ESTILO DE VIDA Meditação Zen e seus benefícios | SANTO ÓCIO
16/08/2020

ESTILO DE VIDA Meditação Zen e seus benefícios

Correndo através do seu dia como se fosse uma corrida de 100 metros não é o caminho para viver. Isso sugará a energia de você e a deixará sem vida. Combine isso com um zumbido de pensamentos aleatórios inundando sua cabeça, e você está condenado! Nesse cenário, tudo o que você deseja é um pouco de quietude, foco e paz de espírito. Felizmente para você, aqui está um guia completo para a prática experimentada e testada de 1500 anos da meditação zen que trará tranquilidade à sua vida.

O QUE É MEDITAÇÃO ZEN?

Também conhecido como – Zazen, que significa meditação sentada

Existem várias maneiras de fazer meditação – algumas muito populares entre os seguidores fiéis e muitas amplamente desconhecidas. Estar ciente de sua respiração e corpo é a base da meditação. Acrescenta positividade à vida e rejuvenesce o seu ser. A meditação zen faz parte do budismo chinês e está enraizada na espiritualidade.

Diz a lenda que Bodhidharma, um rei do sul da Índia, que viajara até a China para espalhar o budismo “real”, introduziu o conceito de Zazen. Era praticado em mosteiros budistas por monges como uma maneira de viver. Com o tempo, essa prática antiga se espalhou pelas viagens e ensinamentos dos mestres zen e acabou encontrando um lugar nas salas de estar dos cidadãos comuns. Vamos dar uma olhada em como fazê-lo.

 

COMO FAZER MEDITAÇÃO ZEN

  • PREPARAÇÃO

 

O processo é bastante simples e se concentra principalmente na postura e quietude. Encontre uma sala adequadamente iluminada e com uma temperatura confortável. Pegue uma almofada de tamanho médio, tradicionalmente chamada de ‘zafu’, e coloque-a no tapete em que você se sentará. A almofada garante que os quadris estejam elevados e os joelhos voltados para baixo em direção ao chão. Use roupas largas, arejadas e confortáveis ​​e sente-se na almofada na pose de lótus completa (Padmasana) ou na pose de meia lótus.

  • SENTADO À DIREITA

Para a postura completa do lótus, coloque os dois pés nas coxas opostas, nos dois lados. A posição Half Lotus é quando você coloca um dos tornozelos na coxa oposta. Se ficar desconfortável, ficar sentado de joelhos ou sentado em um banco sem encosto também serve. Idealmente, a posição sentada é recomendada. Verifique se as costas estão eretas e na vertical. Mantenha o corpo equilibrado, não muito relaxado ou tenso.

  • POSTURA DA MÃO

As mãos precisam formar um mudra cósmico. Para fazer isso, deixe as palmas das mãos voltadas para cima e mantenha a mão direita na esquerda. Agora, faça com que ambas as pontas dos polegares se toquem levemente, formando uma linha quase reta. Enquanto mantém intacta a formação das mãos, coloque os pulsos nas coxas e as bordas internas das mãos contra o estômago. Não deixe o mudra da mão distorcer, pois é um indicador da estabilidade da sua mente. Se você está deixando sua mão soltar seu mudra, sua mente não está concentrada o suficiente na postura.

  • EYE GAZE

Na meditação zen, os olhos não estão completamente fechados. Olhos parcialmente fechados ajudam você a ficar alerta e evitar sonolência. Mantenha os olhos semicerrados e direcione o olhar na diagonal para o chão. Você não precisa se concentrar em nada específico. Idealmente, é melhor sentar em frente a uma parede para evitar distrações.

  • RESPIRAÇÃO CORRETA

O aspecto mais importante da meditação zen é a respiração. Verifique se a boca está fechada enquanto o faz. Respire apenas pelo nariz. Enquanto a inalação ocorre naturalmente, concentre-se na expiração. Encontre um padrão rítmico e siga-o. Mantenha uma contagem das respirações para aumentar sua consciência.

  • DEFINA SUA MENTE

Enquanto você se senta na postura meditativa e respira, os pensamentos enterrados no fundo da sua mente inconsciente tendem a ressurgir e brincar na sua cabeça. Não persiga esses pensamentos, cedendo-os ou evitando-os, pois isso só o afetará mais. Deixe-os passar como um rio que flui.

Para facilitar esse processo, sugiro que você preste mais atenção à sua postura e respiração sempre que sua mente tremer. Isso ajudará na meditação silenciosa. Enquanto você continua praticando o Zazen, os sentimentos diminuem e a mente fica tranqüila. Idealmente, os iniciantes devem gastar de 15 a 30 minutos em meditação zen. Acompanhe a hora com um alarme.

MÚSICA ZEN

A música Zen é composta por uma coleção de músicas escritas há séculos atrás por monges. É geralmente considerado reconfortante, mas a forma clássica autêntica tocada na flauta (shakuhachi) pode parecer desagradável para um novo ouvinte. Uma maneira não técnica de tocar flauta (Suizen) auxilia no controle da respiração durante a meditação, e você pode tentar. Veja o vídeo abaixo para saber como.

COMO ISSO AJUDA?

Essa simples meditação pode resolver os principais problemas psicológicos. A meditação zen está além de ser apenas um remédio no nível da superfície. Isso ajuda a lidar com a ansiedade e a depressão profundamente enraizadas e também a encontrar respostas para perguntas que o incomodam. Ele o reconecta com a vida, gera consciência e empatia internas e atua como um catalisador para viver a vida ao máximo.

A meditação zen fará de você um buscador de conhecimentos e entenderá a essência da vida. Ele fala sobre seu lugar e propósito no mundo. Isso ajuda você a se afastar das expectativas e a se tratar com gentileza. E, o mais importante de tudo, ajuda você a viver o momento e mantém a ansiedade sob controle.

Vamos agora dar uma olhada em algumas perguntas frequentes sobre a mediação zen.

RESPOSTAS DE ESPECIALISTAS PARA PERGUNTAS DOS LEITORES

Zen é uma religião?

O zen é mais espiritual do que religioso e é um guia para uma vida pacífica. É uma escolha de estilo de vida além da religião e uma tentativa de entender a vida sem linguagem ou lógica como barreiras.

O que é o budismo zen?

O Zen Budismo é uma experiência prática de autodescoberta e vem da escola do Budismo Mahayana.

Por que monges budistas meditam?

Os monges budistas meditam para alcançar a iluminação, o mais alto objetivo da vida, segundo eles.

O que o Zen Budismo ensina?

O zen-budismo prega o ensino original e intocado de Buda, com a meditação como o núcleo.

Quem é o fundador do Zen Budismo?

Bodhidharma, um monge indiano, estabeleceu o conceito de Zen Budismo na China, no século VI aC

Ponto de vista Zen de outras religiões

O Zen é de mente aberta e concorda com o que outras religiões têm a dizer. É um firme crente nos princípios fundamentais de toda religião sem as decorações adicionais.

Inicialmente, pode ser difícil desligar sua mente por um certo período e ficar quieto, mas não pare de tentar. Elimine a obsessão de acertar o método. Deixe acontecer por conta própria; acabará por se encaixar. Mesmo que sejam cinco minutos, recupere a respiração e você estará pronto!!

Fonte clickyoga.com,br